Google+ Followers

sábado, 15 de junho de 2013

AutoClave X Estufa




Se faz necessário a informação sobre a diferença entre Estufa e Autoclave para esterilização, existe um movimento de marketing usados pelos salões informando o uso da autoclave como plus no tratamento e esterilização dos instrumentos, mas fique atenta acabam embutindo no valor final para o consumidor, em razão disto resolvi colocar algumas informações importantes:

  • Você sabe o que é ESTERILIZAÇÃO??

Esterilização é a retirada total de condições de vida, seja a que nível for.

É um processo de destruição de todas as formas de vida microbiana como as bactérias, fungos, vírus (HIV e HCV –vírus da hepatite).

  • Qual a diferença entre ESTERILIZADOR E AUTOCLAVE?
ESTERILIZADOR : CALOR SECO os micro organismos são destruídos através de temperatura elevada por um processo de oxidação das células,após a desidratação progressiva do núcleo

AUTOCLAVE : VAPOR SATURADO SOB PRESSÃO os micro organismos são destruídos pela combinação calor+pressão+umidade,que promovem a termocoagulação e a desnaturação das proteínas de estrutura celular.


  • Autoclave X Estufa qual é o melhor?
Tanto a AUTOCLAVE como o ESTERILIZADOR são eficazes, apenas utilizam métodos diferentes.

NENHUM é melhor que o outro: é necessário seguir corretamente as instruções de uso do fabricante e o produto que melhor atende suas necessidades.


  • MINISTERIO DA SAUDE
O Ministério da Saúde estabelece que os instrumentais para esterilização devem obedecer ao seguinte tempo:

- Por 01(uma) hora à 170ºC

- Por 02(duas) horas à 160ºC

Como podemos observar o que conta é a técnica e ética do profissional, em conhecer e por em prática os procedimentos de esterilização, para deste modo cuidar bem da saúde e beleza das amigas clientes.


Unhas fracas


O pesadelo de muitas mulheres, entre tantos pesadelos com a aparência é sem dúvida as unhas fracas, identificadas quando as unhas ficam porosas e quebradiças, com uma coloração amarela ou ainda com manchas.
Tenha calma, segundo dermatologistas, esses sintomas podem ter origem naquela faxina que você fez na semana, onde produtos de limpeza danificaram a lâmina de suas unhas, ou mesmo na prática cotidiana como digitar ou lavar louças, mas preste atenção no desenvolvimento deste problemas, várias doenças e distúrbios podem estar relacionados as unhas quebradiças, já que as unhas mostram muito da nossa saúde.
Esmaltes e afins contendo formaldeído também podem danificar as unhas, sem contar a acetona que é muito abrasiva, se este for o problema existem fortalecedores de unhas que compostos por queratina ajudam na recuperação e ainda protegem as unhas quando utilizados por baixo dos esmaltes, os próprios esmaltes de boa qualidade também, além de embelezar protege as suas garrinhas, mas se as unhas estiverem muito porosas de um tempo nos esmaltes, uma semana já vai dar para elas respirarem.
Fique atenta a sua alimentação, a correria do dia a dia, deixando a boa alimentação para trás, pode afetar a beleza e força das suas unhas e cabelos, por isso mais um motivo de se alimentar bem e balanceadamente, principalmente alimentos ricos em ferro, zinco e vitaminas do complexo B.
Não esqueça do hidrante das mãos, principalmente os que contem uréia ajudam a hidratar e proteger as unhas principalmente na região das cutículas.
Quanto aos produtos de limpeza incluindo o detergente de lavar louças, tenha como hábito o uso de luvas, elas serão aliadas no cuidado das suas unhas e mãos.
Existem pessoas que brigam comigo quando a questão é a retirada de cutículas, desejam que seja tirada cada resíduo desta pele, que existe por uma razão biológica - proteger a base das unhas, muito embora principalmente as brasileiras já criaram a retirada da cutícula por ordem estética, pode ter a opção de só "empurrar" ela ou mesmo retirar somente o excesso, deixando o mínimo de pele para proteger a base da unha, neste sentido todo o cuidado com o instrumental é necessário, já que deve ser descartável no que for possível, e o que não for deve ser esterilizado.
O corte e lixamento da unhas também é recomendado, já que cortando as extremidades que já estarão mais flexíveis e com tendência a quebrar ou lascar, o lixamento deixa as unhas uniformes e evita que enrosque em algum lugar, mas não lixe a lâmina das unhas, estará  tirando a proteção natural dela. É recomendável o corte e lixamento a cada 5 ou 7 dias.
Meninas espero ter ajudado com estas informações e na dúvida procure um médico.